Qual Máquina de Costura Comprar Primeiro – Série: Dicas Para Iniciantes Na Costura –

Qual Máquina de Costura Comprar
Compartilhe Esta Postagem!

Oi amores! Tudo bem? Estou muito feliz em atender ao pedido de muitos de vocês que há bastante tempo me pedem dicas para quem está começando no mundo da costura e modelagem….. Hoje vamos começar uma série chamada “Dicas Para Iniciantes Na Costura”, a ideia inicial é fazer em formato de texto aqui no blog, mas se vocês quiserem que eu faça também vídeos como um bate – papo, deixem aqui nos comentários para eu saber 😉

O primeiro assunto que vamos abordar nessa série é sobre “Qual Máquina de Costura Comprar Primeiro?“. Gente! Acho que essa é a maior dúvida de quem está começando, diariamente recebo mensagens tanto nos vídeos quanto na página com perguntas nesse sentido. Então, como sei que muitos de vocês devem estar nesse dilema, vim trazer algumas dicas de marcas, modelos e principalmente coisas que vocês devem levar em consideração na hora de decidir por uma máquina ou outra. Espero muuuito que eu possa ajudá-los nem que seja um pouquinho rsrsrs Estão curiosos?? Então vamos ao que interessa!!

12936819_YLBsO
máquina de costura clássica

Antes de sair em busca da máquina perfeita, é preciso considerar alguns pontos, e pra isso sugiro que pegue caneta e papel.






1: INFORME-SE!

Pesquise quais tipos de máquinas estão disponíveis no mercado e as principais funções que cada uma oferece. Para quê cada modelo é mais indicado.

2: QUAIS AS SUAS REAIS NECESSIDADES?



Defina quais produtos você quer fabricar, que tipo de costura e acabamento você vai precisar fazer nas suas produções, se vai trabalhar com malha ou tecido plano, tecidos leves ou pesados, se vai fazer bordado ou patchwork, se tem espaço no seu cantinho para uma máquina com bancada ou se tem que ser uma portátil, se vai pregar botões, abrir casas, qual o valor máximo que você pode pagar e se já tem preferência por alguma marca. Essas são as perguntas que considero essenciais em fazer antes de comprar uma máquina. Assim fica mais fácil decidir o modelo ideal.

3: NOVA OU USADA?

Algo importante a ser pensado é se você prefere uma máquina nova que vai te dar garantia de 1 ou 2 anos dependendo da marca e loja, caso precise de um técnico (como eu precisei quando comprei minha reta industrial pois não sabia passar a linha e a máquina não costurava! Minha sorte é que era nova e a garantia cobria o serviço técnico por 1 ano e economizei R$70,00 só pra passar a linha no disco de tensão que tinha passado mas só que frouxo!) Ou seja, valeu à pena comprar nova e com garantia NO MEU CASO, pois no dia seguinte teria que gastar com um serviço que não teria direito caso fosse semi-nova, e o problema era só passar a linha no disco!

Não quero aqui fazer apologia rsrs à comprar máquinas novas, até porque minhas outras 2 máquinas, overloque e colarette,ou galoneira, comprei semi-novas. A questão é saber o que é prioridade pra você! Economizar, levando em consideração que as semi-novas são sempre mais em conta, ou pagar mais caro se você estiver disposto ($$), e ter a garantia dos serviços técnicos pelo menos até você mesma aprender a resolver com o tempo, porque é natural a gente acaba aprendendo.

Isso só você poderá decidir! O objetivo aqui é fazer você refletir e ter a certeza do que irá fazer na hora da compra. Só quero deixar uma dica extra super importante! Não é porque é de segunda mão que você precisa comprar de qualquer pessoa, as próprias lojas de máquinas novas, vendem máquinas semi-novas! Isso significa que mesmo você não comprando uma zerada, vai levar um produto de qualidade, por um preço mais barato,COM NOTA FISCAL, vale também porque as lojas vendem as máquinas já reguladas!  #FikDica! rsrs

4: FAÇA UM TESTE DRIVE!

Nunca compre uma máquina ou qualquer aparelho sem antes testar! Desconfie se o vendedor disser que não pode ou não dá pra testar a máquina por esse ou por outro motivo. Se recuse a comprar principalmente se for semi-nova! Leve sempre um retalho, linhas, agulhas e tesoura na bolsa quando sair para comprar uma máquina de costura. Um kit básico! rsrsrs desse jeito você elimina qualquer desculpa de não ter tecido ou linha para o teste.

5: PEÇA AS CARACTERÍSTICAS DA MÁQUINA AO COMPRADOR!

Mesmo as máquinas aparentemente iguais, como as retas, tem suas peculiaridades. Coisas que uma tem e outra não e por ae vai. Peça sempre que o vendedor te passe algumas dicas de manuseio, de como passar a linha principalmente! Pra não fazer igual a mim! Se for uma máquina industrial existem as agulhas de cabo fino e cabo grosso. Não são como as domésticas que as agulhas são universais. Na hora de comprar uma agulha por exemplo, você precisa informar o nº e dizer se o cabo é fino ou grosso, o mesmo vale para a colarette, ou galoneira rsrs mesma coisa. Os “acessórios”, digamos assim, das industriais também tem encaixes diferentes das domésticas, como as carretilhas, passadores de viés, sapatilhas de franzir, de zíper invisível, de casear e por ae vai. Por isso é importante pedir informações quanto a esses aspectos.

Pronto! rs Esse é o primeiro passo antes de decidir pela máquina que melhor vai te atender! Agora você já dever ter escolhido sua queridinha ou pelo menos já eliminou algumas da sua lista. Caso você não conheça marcas, modelos e precisa de dicas mais específicas, abaixo mostro alguns modelos que tenho,uso, e indico. É obvio que existem outras marcas no mercado que são tão boas quanto, mas não posso indicar o que nunca usei! Por isso a lista é pequena mas já deve te ajudar!

PROMISE 1412 SINGER

É uma máquina de costura doméstica que atende todas as necessidades de uma costureira que não produz em grande escala.

11 pontos incluindo flexíveis e decorativos, casa de botão em 4 passos, ajuste do comprimento e largura do ponto zigzag, braço livre, velocidade de até 750 pontos por minuto, acompanha vários acessórios e possui estrutura interna de metal, o que garante estabilidade na costura.

Custo benefício muito bom além da facilidade de encontrar acessórios para serem adaptados como calcadores. Com esta máquina  formei várias turmas de corte e costura presenciais no Dayse Costa Academy, e mostrei que é possível realizar todas as etapas de uma produção usando apenas uma máquina doméstica. 

Veja a resenha dela com todas as funções AQUI.

LEGACY C440

Máquina doméstica eletrônica que borda. Possui incríveis 184 pontos incluindo decorativos e flexíveis, cortador automático de linha, fonte de letra incluindo nomes ou frases,painel touch,memória interna que salva e armazena sequencia de pontos, tecla arremate, 12 tipos de casa de botão, tecla de parada de agulha no tecido, passador de linha na agulha, braço livre, sistema de baixar os dentes, velocidade de até 800 pontos por minuto e acompanha acessórios. UFFA! É uma verdadeira nave!

VEJA AQUI A RESENHA COMPLETA E DEMONSTRAÇÃO DAS FUNÇÕES AQUI.

FACILITA PRO 4432

Máquina de costura doméstica mecânica, possui 32 pontos incluindo flexíveis e decorativos, casa de botão em 1 passo, passador de linha na agulha,costura reta flexível para tecidos com elasticidade, estrutura interna de metal, robusta aguenta costura pesada, no teste de resistência costurou com facilidade 10 camadas de jeans! Atinge velocidade de até 1.100 pontos por minuto, base revestida de inox, braço livre e acompanha vários acessórios.

VEJA AQUI A RESENHA COMPLETA E A DEMONSTRAÇÃO DAS FUNÇÕES DESTE MODELO AQUI.

Overloque 

(FOTO DA INTERNET)

GN1_113D_1

A terceira máquina que comprei foi o overloque, de segunda mão e paguei R$350,00. Não é industrial, e me atendeu muito bem durante 10 anos mesmo sendo de segunda mão e já ter sido usada por mais 10 anos.  A minha era da verde chinesinha modelo GN-1 Semi-industrial . Esta máquina fecha peças em tecido plano dando acabamento nas bordas de montagem, mas é necessário passar um costura reta para realmente fechar com firmeza a peça e a lubrificação é manual.

Ultralock Singer

Após anos com o overloque semi-industrial adquiri a ULTRALOCK SINGER. E  já falei sobre ela AQUI. Basicamente a diferença entre ela e o overloque modelo anterior, é que a Ultralock são 4 fios e podemos trabalhar com duas agulhas para de uma só vez fazer o reforço da reta. É uma versão doméstica da interloque,  só que essa é 5 fios e somente industrial.

Possui 6 tipos de ponto overloque, braço livre para costurar tubulares, acompanha acessórios,passagem de linha identificada com cores, estrutura interna de metal,alavanca de sistema diferencial para fazer franzidos e babados e atinge até 1300 pontos por minuto!

Só posso dizer que sou apaixonada por ela!♥ Posso fazer diferentes regulagens e trabalhar com diversos pontos para tecidos específicos, além de ocupar menos espaço no ateliê.

MÁQUINAS INDUSTRIAIS

Colarette / Galoneira

(Foto da Internet)

galoneira-yamata_iZ1XvZxXpZ1XfZ58891361-8909494569-1.jpgXsZ58891361xIMA colarete ou Galoneira, foi a quarta máquina que comprei, é Industrial e destinada a fazer bainha e acabamentos em malha.  Paguei R$1.600,00 semi-nova mas comprei na loja com garantia. Tem lubrificação automática, é super macia e recomendo caso seu objetivo seja produção com malha, mas se for apenas de uso pessoal, não precisa fazer um investimento tão alto. Dá pra quebrar o galho com um modelo portátil.

Reta Industrial

A necessidade de adquirir uma máquina reta industrial surgiu com a conquista de novos clientes e com a variedade de modelos sob medida. Isso me exigiu cada vez mais aprimorar meu acabamento e acelerar minha capacidade de produção. Mais pra frente trabalhei por um tempo como facção pegando peças já cortadas de confecções grandes. 

Essa máquina é destinada a fechamento de peças seja roupas ou bolsas em tecido plano, podendo adaptar passadores de viés para tecido, pregar zíper de todos os modelos e com alta capacidade de produção. Então se você pretende trabalhar com grande quantidade de peças, tecido pesados e costura industrial, pode investir em uma reta industrial.

EM TODO SITE DA SINGER UTILIZANDO O CUPOM DAYSE10 VOCÊ TEM DESCONTO!

Fiz também um vídeo sobre esse assunto para completar tudo que foi falado acima.

 


Compartilhe Esta Postagem!

Posts Relacionados

257 Comentários

  1. ola!! adorei seu blog!
    bom…estou na duvida entre comprar uma Janome 2008s ou uma singer.
    Qual modelo (na faixa de 800,00) você sugere?
    me ajuda, se puder…rs obrigada!!

    1. esqueci de falar… estou começando com peças para pet (cachorrinhos rs). E na intenção de algumas roupas e bolsas. Singer pesquisei uns modelos, como Facilita e Simple. são boas? Com o ponto flexível consigo costurar malha também?

      1. Oi Pri, eu nunca usei nenhuma das duas então não te dizer com propriedade qual é a melhor, mas as duas marcas são muito boas e acredito que será um bom investimento. Depende mesmo do valor que pode pagar. bjs

  2. Olá, sou filho de costureira, mas minha mãe não mais está aqui, estou querendo comprar uma Brother BM2800, aprendi numa Vigorelle teco teco, agora quero costurar e fazer algumas decorações. O que vc acha dessa máquina ?

    1. Oi Rafael, eu nunca usei esse modelo então não tenho como dizer se é boa, sugiro que pesquise sobre o modelo para ter mais opiniões. De qualquer forma a Brother é uma marca conceituada no mercado, só tem que saber se as funções dela vai atender ao que quer fazer, analise os pontos que citei no post e no vídeo que vai te ajudar a decidir. Boa sorte.

  3. ai que alivio saber que vc tem uma reta industrial yamata 😀 uma pessoa quer vender a 700,00 com um ano de uso. tô tentada e comecei a pesquisar na net p ver comentários sobre ela… seu post ajudou. obrigada

  4. Oi Dayse, quero começar a fazer enxoval de bebê, e estou com dificuldade de encontrar curso presencial e informações de como começar. Você tem alguma dica? Já devo comprar alguma máquina?

    1. Renata realmente é um segmento bem difícil de encontrar cursos, acredito que seja mais fácil você começar com moda infantil em geral, assim você adapta para peças de recém-nascido. As peças de berço para o enxoval é mais simples de copiar, pode comprar um para ter noção de medidas. E sim é importante ter uma máquina doméstica que te permita trabalhar com pontos decorativos já que se trata de enxoval sempre tem bordados. Mas apenas isso, não precisa de maquinário industrial para começar nem outro tipo como overloque. Sucesso.bjs

  5. Oi Dayse, adorei seu blog. Eu comprei uma Siruba reta industrial mas estou com dificuldade de usar e nunca costurei, pode informar um curso presencial ? Sabe se nestes cursos as maquinas são industriais ? bjs

    1. Oi Ana, sinto te dizer mas infelizmente nenhum curso de costura usa maquinário industria, somente doméstica. Mas não tem mistério se sua máquina está passada linha direitinho e regulada, se não chame um técnico para fazer isso, é só ir treinando condução, pega vários retalhos ou até mesmo pedaço de papel branco, traça algumas linhas e vai costurando por cima, assim vc pega confiança. super bj sucesso.

  6. oi, adorei “te ler”, pois tu escreves muito bem. A leitura se torna leve e de fácil entendimento. Bom, tenho uma dúvida, posso usar a uktralok (linda) pra fazer barra das camisetas? Pensei em fazer um teste, pois comprei a pouco e não sei usar todos os recursos desta belezinha da Singer.