MEUS TECIDOS PARA A PRIMAVERA 2018

Compartilhe Esta Postagem!

Hoje vim mostrar os melhores tecidos para se usar e costurar na Primavera! Abri meu armário do ateliê e elegi os meus preferidos em texturas, cores, estampas e estruturas diferentes que você vai amar usar nessa estação.

Começo pelo meu xodózinho e acredito que de muitos iniciantes por ser super versátil e fácil de trabalhar, estou falando da TRICOLINE. Esses chegaram da FOXSTEXTIL e mostrei outros que já usei AQUI!

Tecido 100% algodão pode ser usado para confeccionar blusinhas, shorths e vestidos. Existe uma variedade infinita de estampas e qualidade de tricolines, com e sem elastano, basta escolher o modelo ideal para o caimento dele e arrasar!






Outro chamego que eu tenho é com a VISCOSE, apesar de ser bem fininha e maleável eu uso o ano todo! O toque é muito macio na pele e mesmo desfiando um pouquinho não é difícil de trabalhar. Acredito ser o meu preferido para dias quentes.



O BRIM e a SARJA são tecidos mais pesados porém não impossíveis de usar em dias mais quentes se combinados com as peças certas. Por serem de algodão tem um toque macio, basta escolher a modelagem adequada para seu tipo físico e eles podem ser um grande aliado para looks maravilhosos.

Com eles podem ser confeccionados bermudas, calças, saias, coletes e até mesmo acessórios como mochilas e bolsas.

A malha de algodão é muito utilizada para fabricação de camisetas básicas como as T-shirts, e principalmente quando queremos estampar. Essa é malha silkada, tem também a cardeada e a penteada.

ótima para esses modelos mais básicos mas também para camisa estilo pólo. A malha sanfonada ou a ribana usamos para os acabamentos de punhos de manga, gola e patê, ou abotoamento.

A musseline de seda além de ser fininha tem um toque bem macio, o que resulta em uma peça com bastante caimento e movimento. Ótima para regatas, camisas  e peças com pegada mais arrumadinha, é super indicada para a próxima estação. Esse e as próximas 6 opções abaixo chegaram da METROPOLITAN FASHION.

 

Linho é chic o ano todo, atemporal e super coringa. Vai desde a pantalona até um macaquinho bem descontraído. 

Essa lindeza chegou da Metropolitan Fashion.

A renda é fina portanto super indicada para compor looks em dias mais quentes. Pode ser usada em recortes de vestidos e blusas, por cima de saias com forro de cetim ou seda, e para forrar peças como bolsas e até mesmo almofadas!

O veludo molhado foi uma febre no ano passado e continua muito usado. Apesar de ser mais indicado para o inverno, a primavera por ser uma estação de transição ,também conseguimos usá-lo em peças com modelagens mais abertas como vestidinhos de alça, shorts e até mesmo saias.

O tecido de alfaiataria Stretch tem um toque de tecido sintético, aqueles que a gente nem precisa passar à ferro sabe? ótimo caimento e indicado para modelos com pegada mais social como shorts cintura alta, saia lápis, vestido reto, casaquetos e blazers.

Renda eu já conhecia, tecido plissado também, mas renda plissada é a primeira vez! Uma opção bem diferente para fazer aquele vestido com pegada romântica ou uma saia bem rodada.

Eu também já conhecia a Leasie, mas leasie de malha também é a primeira vez haha Olha que linda! Malha um pouco mais encorpada porém pede forro por conta dos cortes  e seguem por toda a extensão da largura e do comprimento. Pode ser usada para vestidos, saias, blusas e shorts.

O crepe é o queridinho de quem curte peças mais soltinhas e sofisticadas. Além de ter um bom caimento ele não precisa ser passado à ferro. Esse e os próximos 4 tecidos chegaram da JUNIN MALHAS

Mais uma renda só que dessa vez a arrastão. Sem elastano essa renda deixa a peça com uma pegada rústica. Fica linda em saídas de praia, modelo de camisetas básicas, kimono e vestidos simples.

Falando em malha as próximas 3 opções além da anterior chegaram também da Junin Malhas. Essa é uma malha Jacquard, mais encorpada e com textura é ótima porque não precisa de forro. Pode ser usada para confeccionar peças variadas desde que, se respeite o seu formato de corpo para não ficar vulgar.

Aqui temos uma malha flamê ou como alguns chamam Devorê. Super fininha e com textura de bolinhas. Fácil de trabalhar porém não estica quase nada, por isso é bom ter cuidado na hora da molagem. Muito usada para modelos básicos de blusas e regatas para academia e saídas de praia.

A malha de neoprene é pesada e com bastante elastano.É ótima para peças básicas como saias, vestidos, casaquinhos e shorts. Mas como é malha segue a mesma recomendação da malha jacquard, cuidado para não ficar vulgar e marcar muito a silhueta.

Pra fechar as próximas 2 malhas mostrei em um vídeo no CANAL que você pode conferir AQUI! Estou falando das malhas tecnológicas de ultramicrofibra da Digitale Têxtil. Fiz um modelo bem baphônico de academia usando uma delas. Cada malha tem uma gramatura, uma pegada e um toque diferente, além de cada uma ter uma finalidade. O que elas tem em comum é que todas tem proteção UV 50+, Aloe Vera que hidrata a pele, antiodor e é resistente ao cloro, ou seja, ótima para roupas de surfistas e guarda-vidas.

Essa é a base intense e explique bem sobre ela neste link acima. Ela mais fininha e toque geladinho. ótimo caimento para saídas de praia, vestidinhos e blusinhas básicas.

Aqui eu tenho a base Oceanic mais pesadinha do que a anterior e indicada para moda praia.

Esse é meu estoque para os próximos modelos de primavera, se você tem algum tecido favorito que não viu aqui, me conta qui nos comentário que eu quero saber♥

 


Compartilhe Esta Postagem!

Posts Relacionados

Deixe um comentário

Por favor Login para comentar

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

  Increva-se  
Notificação de