ENTENDA OS CONCEITOS DE MODELAGEM E MODELISTA INDUSTRIAL

Compartilhe Esta Postagem!

Hoje vim trazer alguns conceitos que precisamos entender para facilitar nosso trabalho como modelista.

Vamos começar entendendo o que é uma modelagem básica:

-Refere-se ao traçado considerando as linhas de estrutura do corpo podendo ter variações conforme a moda.






MODELAGEM INDUSTRIAL:

Modelar roupas em caráter industrial não segue as mesmas regras, nem obedecem exatamente as mesmas técnicas usadas para modelar peças sob medida, embora as diretrizes (critérios) sejam relativamente as mesmas. Uma das diferenças está em que o modelista trabalha com padrões determinados (tabelas).

O padrão médio brasileiro para o corpo feminino é o manequim 42, mas cada empresa pode desenvolver sua própria tabela de medidas pois este é um ponto que ainda precisa melhorar muito na indústria do vestuário. Isso dificulta  muito o e-comerce (sites) de roupas, pois a necessidade de vestir a peça antes de comprar é indispensável para garantir que não será necessário fazer uma troca.



Os moldes industriais exigem cuidados como: Marcações das margens de costura, indicação do fio do tecido, tamanho da peça, nome do modelo, pences, bolsos, franzinhos, pregas, casas, botões e qualquer outro elemento decorativo.

Na modelagem industrial o molde deve ser inteiro e não na 4º parte como costumamos fazer nos cursos e em modelagens particulares. Isto porque na indústria, dezenas de peças são cortadas de uma só vez, e a disposição dos moldes abertos no tecido facilita o manuseio da máquina de corte diminuindo o tempo do processo. Além disso, o desperdício de tecido é menor, devido a melhor distribuição dos moldes no tecido.

MODELISTA INDUSTRIAL:

Modelista industrial é aquele que transforma um modelo desenhado pelo estilista em algo concreto ( a peça). Modelar uma peça de roupa requer conhecimento de técnicas e saber interpretar os modelos apresentados.

O bom senso cai muito bem nesta hora! Muitas vezes o estilista desenha algo de difícil interpretação devido o efeito do caimento da peça no croqui, que muitas vezes escondem detalhes importantes que não se percebe no desenho. Cabe ao modelista dialogar com o estilista e desenvolver um DESENHO TÉCNICO contendo todas as informações relevantes para o desenvolvimento da modelagem, de maneira que concretize a ideia traçada no papel. É de extrema importância um bom relacionamento entre o estilista e o modelista dentro de uma empresa para obter o sucesso em uma coleção ou produção.

O modelista é o profissional responsável pelo sucesso ou pelo fracasso de uma coleção, pois é ele quem desenvolve o protótipo (a peça piloto, primeira peça para avaliação de possíveis erros e correções), ou seja, o modelista é quem diz se é ou não possível transformar uma ideia “abstrata” em algo “concreto”.

E você sabia da grande importância do papel do modelista dentro da indústria da moda? Comenta aqui pra mim!

 


Compartilhe Esta Postagem!

Posts Relacionados

1
Deixe um comentário

Por favor Login para comentar
1 Comentar tópicos
0 Respostas do Tópico
0 Followers
 
Comentário com mais reações
Comentário mais quente
0 Comentário do Autor
ENTENDA OS DIFERENTES TIPOS DE MODELAGENS DE ROUPAS - Moda e Moldes Comentário Recente do Autor

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

  Increva-se  
novos velhos mais votados
Notificação de
trackback

[…] Em uma empresa onde um modelo é fabricado em vários tamanhos, após finalizada essa primeira modelagem e o PROTÓTIPO para aprovação, (EXPLICO MELHOR AQUI),   […]