Como Escolher O Tecidos Ideal Para Seu Modelo

Compartilhe Esta Postagem!

Um dúvida muito frequente que recebo é sobre qual tecido usar para determinado modelo. Antes de dar dicas específicas de TECIDO X MODELO, vamos entender um pouco a estrutura do tecido.

O tecido têxtil é um material à base de fios de fibra natural ou sintética.
Todos os tecidos de tear são produzidos pelo entrelaçamento de dois tipos de fios: os de urdume (dispostos no sentido do comprimento) e os da trama (no sentido da largura).

4906094494_b064dcb3d8 Os fios do urdume são dispostos perpendicularmente aos da trama. A estrutura do tecido pode ser modificada alterando o padrão de entrecruzamento do urdume e da trama. Devido à sua estrutura ou ao seu acabamento, os tecidos mais finos e delicados exigem cuidados especiais.
TECIDOS NATURAIS
Os tecidos naturais, considerados básicos e clássicos, podem ser de três origens: De origem animal (lã e seda); de origem mineral (amianto); de origem vegetal (algodão, juta, cânhamo, linho e sisal).
TECIDOS SINTÉTICOS
Os tecidos sintéticos são fibras produzidas pela ação do homem usando como matéria-prima produtos químicos, da indústria petroquímica
TECIDOS ARTIFICIAIS
Os tecidos artificiais provêm de: fibras celulósicas, tais como acetatos e viscose, e “fibras proteínicas”,
procedentes de matérias como o milho e óleos vegetais.






TIPOS DE TECIDOS CONFORME TRAMA/URDUME

 
TECIDOS PLANOS
São tecidos resultantes do entrelaçamento de dois conjuntos de fios que se cruzam em ângulo reto. Os fios dispostos no sentido horizontal são chamados de fios de TRAMA e os fios dispostos no sentido vertical são chamados de URDUME. 
TECIDOS FELPUDOS
São tecidos compostos, cuja superfície apresenta felpas salientes, inteiras ou cortadas;

MALHA
É uma superfície têxtil, formada pela interpenetração de laçadas ou malhas que se apoiam lateral e verticalmente, provenientes de um ou mais fios. Dividem-se:
· Por trama – São tecidos de malha obtidos a partir do entrelaçamento de um único fio, podendo resultar num tecido aberto ou circular
· Por urdume – São tecidos de malha obtidos a partir de um ou mais conjuntos de fios,colocados lado a lado, à semelhança dos fios de urdume da tecelagem plana.



Bom, depois de toda essa explicação para entendermos melhor como é formado cada tecido, vamos às dicas! 

A primeira coisa que você deve definir é a ocasião e o momento do dia que esse peça será usada. É para um casamento? Madrinha ou convidada? É para usar no dia a dia? Para uma festa informal? Para Trabalho? Que tipo de trabalho? Para escola, faculdade…

Isso vai te ajudar a optar por tecidos com brilho e cara de festa ou tecido de algodão sem brilho. Depois disso é hora de definir o caimento da peça depois de pronta. Você quer uma peça mais estruturada? Com movimento? Via ser colada no corpo? soltinha?

Todo os aspectos do modelo são importantes na hora de escolher o tecido ideal.

Vestido de festa com bom caimento e movimento:

-seda, cetim de seda, cetim com elastano, chifon, musseline, organza, renda, crepe, tafetá e tule.

Vestido de festa mais estruturado:

-Brocado, shantung,tecido paetizado,veludo e tecidos bordados.

Tecido leve para modelos dia a dia:

Viscose, linho,crepe, musseline, chifon, gaze, tricoline com elastano, malha,tencel, javanesa, cambraia 

Tecidos estruturados:

Piquet, sarja brim,sarja, jeans, gorgorão, jacquard, lona e lã.

Estruturados médios com leve caimento:

Lease, Tweed, ana ruga, tricot, flanela e sarja acetinada com elastano.

 

Espero ter te ajudado para as próximas escolhas de tecido! Me contem aqui nos comentários!♥

 


Compartilhe Esta Postagem!

Posts Relacionados

14 Comentários

  1. Olá…amei as dicas…
    Mas, se possível gostaria que vc me respondesse uma dúvida:
    Quero fazer um modelo de macaquinho rodado que vi e na descrição desse macaquinho dizia que ele era de malha e forrado..
    A malha realmente é Boa pra fazer um macaquinho ou vestido rodado com aquelas pregas que dao ar de ainda mais recadinhos?!
    Um xeruh…e amei o site.

    1. Raquel não sei se entendi exatamente o modelo e tipo de malha, mas acho que está falando do neoprene né? Uma malha mais pesada e que realmente forma essas pregiunhas quando é feito um modelo godÊ…se for não precisa de forro porque já é uma malha bem pesada e sim fica lindo. Se for malha comum como viscolycra, nem sempre precisa de forro dependendo da cor, mas as vezes sim se for liso, só que é uma malha mais fina e leve dá certo sim fazer esse tipo de modelo mas as pregas não ficam tão evidentes….espero ter ajudado. bjs

  2. Adorei tuas dicas, super bem explicadas. Facilita a minha vida na hora de explicar para as minhas clientes o por que de minhas sugestões na compra dos tecidos. Não querendo abusar, mas gostaria que vc aprofundasse mas sobre malhas. Um abração e obrigada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.